• Subcribe to Our RSS Feed

Funções executivas

ago 20, 2015 by     1 Comment    Posted under: destaque, distúrbios e transtornos

As funções executivas compreendem um conceito neuropsicológico que se aplica às atividades cognitivas responsáveis pelo planejamento e execução de tarefas. Elas incluem o raciocínio, a lógica, a tomada de decisões e a resolução de problemas.

Todos esses processos cognitivos são produzidos diariamente, pois uma série de problemas – dos mais simples aos de maior complexidade – ocorrem na vida do ser humano. Assim, independente do grau de complexidade, o sujeito precisa estar apto para analisar a situação (problema), lançar mão de estratégias, e antever as consequências de sua decisão.

O cotidiano oferece diferentes desafios ou simplesmente situações imprevistas que exigem uma boa habilidade para um manejo adequado. Por exemplo, descobrir o melhor caminho para se chegar num determinado local, uma nova função no emprego, aumentar o orçamento doméstico, ou mesmo durante o desenvolvimento da criança, que a cada momento descobre uma nova possibilidade e vai em busca de uma nova habilidade.

Existem três tipos de resolução de problemas:

  • Inferente: utilizada quando os indivíduos está frente a uma situação desconhecida e pela qual ainda não existem soluções disponíveis. Sendo assim, é necessário avaliar os elementos que compõem o problema e deduzir (inferir) qual a melhor estratégia para superar aquele problema, ou pelo menos minimizar seus efeitos. Na medicina, isso é bastante utilizado quando se tem determinado quadro patológico desconhecido.
  • Analógica: é o uso de recursos anteriormente utilizado em situações semelhantes.
  • Automática: é o tipo que se caracteriza pela espontaneidade. Ocorre principalmente se a pessoa que o utiliza tem bastante prática no problema, por exemplo, um motorista experiente.

FUNÇÕES EXECUTIVAS, envolvem:

1) PLANEJAMENTO: habilidade de criar um roteiro para atingir um objetivo ou completar tarefa. Também envolve habilidade de tomar decisões sobre o que é importante “focar” do que não tem importância.

2) ORGANIZAÇÃO: habilidade de arrumar ou sistematizar coisas em geral.

3) ADMINISTRAÇÃO DO TEMPO: capacidade de estimar quanto tempo tem, como distribuí-lo.

4) MEMORIA OPERACIONAL: habilidade de armazenar uma quantidade de informação na mente e poder manipulá-la.

5) META-COGNIÇÃO: habilidade de esperar e ter uma visão geral de si mesmo em uma situação. Habilidade para observar como resolver seu problema.

Por Denise Mineiro,
artigo baseado no Instituto Paulista de Déficit de Atenção

www.facebook.com/denise.mineiro
www.linkedin.com/in/denisemineiro



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

1 Comment + Add Comment

  • Gosto muito da forma clara como sao expostos os conceitos neuropsicologicas nesses textos.

Tem algo a dizer? Vá em frente, deixe seu comentário!

XHTML: Você pode utilizar os seguintes códigos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

UA-34327795-1