• Subcribe to Our RSS Feed

Conviver com pessoas diferentes

abr 7, 2016 by     2 Comments    Posted under: destaque, distúrbios e transtornos

Aproximar crianças e adolescentes de grupos de diferentes classes sociais, etnias e opções sexuais é uma das maneiras de diminuir preconceitos. A ação prepara as crianças para um mundo mais aberto, em que entender diferenças facilita a comunicação e o trabalho em equipe.

COMO ENSINAR: no colégio Santa Maria, em São Paulo, o contato como mundo fora do trajeto de casa-escola começa na pré-escola. As professoras mostram às crianças de 4 e 5 anos a diferença entre suas casas e as de quem mora na favela. São diversas as atividades ao longo do ensino fundamental, incluindo viagens ao Vale do Ribeira. No ensino médio, os alunos podem optar entre reforçar a equipe de uma creche e animar crianças de um hospital, ambos de bairros pobres.

“Aqui a educação vai além dos muros. Queremos que a realidade seja mostrada pela experiência”, diz o professor e coordenador do ensino médio Paulo Felipe. É o que experimentou Lia Spadini da Silva, do 2º ano do ensino médio. Aos 14 anos em vez de passar as tardes de sexta-feira no shopping com as amigas, ela entrava na favela Americanópolis para ajudar a cuidar das 80 crianças da creche São Judas. Você entra em um lugar diferente daquele a que está acostumada”, afirma. A pintura simples e as paredes enfeitadas com desenhos chamaram a atenção de Lia, habituada às paredes brancas de sua casa. A estudante diz que aprendeu a valorizar as coisas simples de seu cotidiano ao observar o cuidado com que as crianças lidavam com seus brinquedos. “A gente sabe que existe essa outra realidade, mas a sensação é diferente quando você está olhando nos olhos da criança e ela diz que seu pai foi morto ou está preso”, afirma. “Aquelas crianças foram os maiores professores que eu poderia ter.”

Por Denise Mineiro e Fernanda Junqueira



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

2 Comments + Add Comment

  • Esse artigo é bem interessante e vou tentar incluir como tema no TLT da empresa onde trabalho.

    • Norberto,

      Fico feliz que tenha apreciado o material.
      Depois me conte como foi a apresentação de seu trabalho.

      Um abraço,

      Denise Mineiro
      dm@denisemineiro.com

Tem algo a dizer? Vá em frente, deixe seu comentário!

XHTML: Você pode utilizar os seguintes códigos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

UA-34327795-1